Santa Casa BHSão LucasIEPFunerária Santa Casa BHCEMIGAP


Neuronavegador é utilizado pela primeira vez com sucesso na Santa Casa BH

27/07/2017

     
Nesta quarta-feira (26), a Santa Casa BH (SCBH) realizou, pela primeira vez, um procedimento utilizando o sistema de cirurgia guiada por imagem, composto por neuronavegador e endoscópio rígido. A paciente foi submetida com sucesso a uma biopsia cerebral. O procedimento foi realizado pelo neurocirurgião da SCBH, Marcello Penholate, junto com a sua equipe. E teve como objetivo retirar parte de uma massa para análise, visando determinar se trata-se ou não de um tumor. 
 
O sistema de cirurgia guiada por imagem custou R$ 1.658.148,00 e foi adquirido pelo hospital com emenda parlamentar do então deputado federal Dr. Grilo, após solicitação da equipe de neurocirurgia da SCBH, chefiada pelo Dr. Carlos Batista.
 
A SCBH é o único hospital de Minas Gerais que possui o equipamento para cirurgias pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O neuronavegador é normalmente utilizado no tratamento de tumores do cérebro e da medula, além de cirurgias em traumas no crânio ou coluna e em procedimentos indicados contra a doença de Parkinson e epilepsia. 
 
O provedor da Santa Casa BH, Saulo Levindo Coelho, lembra que a precisão do neuronavegador vai aumentar a efetividade dos procedimentos neurocirúrgicos. “É um avanço muito grande para a medicina praticada aqui na Santa Casa. Estamos muito esperançosos que o nosso índice de sucesso nas intervenções neurológicas vai melhorar muito”, afirma.
 
O diretor de assistência à saúde da SCBH, Dr. Guilherme Riccio, destaca a importância do sistema de cirurgia guiada por imagem para os pacientes de Minas que são atendidos pelo SUS. “Esse equipamento significa muito para a Santa Casa BH e também para os pacientes do SUS. É o primeiro hospital 100% SUS em Minas Gerais que dispõe desse equipamento para operação em neurocirurgia”, ressalta.
 
O chefe da neurocirurgia da SCBH, Dr. Carlos Batista Alves de Souza, lembra que o sistema ratifica a Santa Casa BH como referência em Minas Gerais.  “Aqui são feitas mais de 1000 cirurgias anualmente, da mais alta complexidade, que não são resolvidas em outros hospitais. A Santa Casa BH é o centro de referência em neurocirurgia em Minas Gerais. Então, ficamos muito felizes em dar aos médicos dessa clínica a possibilidade de realizar um trabalho melhor para os pacientes que vêm de todo o estado”, enfatiza.
 
De acordo com o neurocirurgião Marcello Penholate, o neuronavegador permite a realização de biópsias de precisão milimétrica e a retirada mais ampla das lesões, com menor dano ao cérebro, além da redução do tempo dos procedimentos. “No caso de tumores do cérebro, nas biópsias cerebrais, em sua maior parte, se faz necessário um implante temporário. Uma ‘mira’ fixada ao crânio - denominada aparelho estereotaxico. Com o neuronavegador, a biopsia é realizada em um terço do tempo que seria gasto, sem o equipamento”, explica. 
 
O ex-deputado federal Dr. Grilo disse se sentir gratificado por colaborar com o avanço da neurocirurgia na Santa Casa BH. “O importante é que as pessoas que não têm condições de se tratar em um hospital particular vão ser atendidas com a mesma qualidade do atendimento particular. Estamos dando condições para todos os cidadãos de Minas serem atendidos com dignidade”, comenta Dr. Grilo.