Santa Casa BHCEMSão LucasIEPFunerária Santa Casa BHIGAP


Arte em favor da reabilitação dos pacientes

06/06/2017

     
A arte é um recurso terapêutico que pode ser utilizado na reabilitação de pacientes que permanecem internados por longos períodos. A publicitária Daniele Rodrigues Moreira, de 26 anos, é prova disso. Ela fez uma cirurgia para retirar um tumor cerebral e após 20 dias internada na UTI e 70 dias na Unidade de Cuidados Prolongados da Santa Casa BH recebeu, em 31 de maio, alta hospitalar e voltou para Raposos em carreata organizada por amigos e familiares. O carisma e o entusiasmo da paciente pela vida e o envolvimento da sua família e amigos foram aliados da durante todo o tratamento. Sua alegria encantou também outros pacientes da unidade.
 
A abordagem multidisciplinar foi imprescindível para o trabalho de reabilitação de Daniele. Com base nas habilidades da paciente para as artes plásticas e a música, ações terapêuticas conjuntas entre a Terapia Ocupacional, a Fisioterapia e a Psicologia foram propostas para a sua reabilitação funcional, estimulação cognitiva e elaboração de questões psicológicas em torno do adoecimento e hospitalização, vivências inéditas para a paciente. Diversos recursos foram utilizados e que contribuíram para a humanização do cuidado: canto, pintura em pano de prato, preparação da ornamentação do setor para o ‘Dia das Mães’, além de um mural com fotos para deixá-la mais perto dos amigos e familiares. 
 
Daniele se emocionou ao relembrar das dificuldades e, principalmente, dos momentos de superação: “a pintura e a música me ajudaram demais. Todas essas atividades foram importantes para minha recuperação. O tempo até passou mais rápido. Saio daqui com a certeza de que hospital não é só lugar de tristeza, mas de alegrias. Fiz amigos que se preocupam comigo e com os outros pacientes. Quero agradecer todos os que colaboraram pela minha recuperação e aos amigos que vieram me visitar”.